Notícias

"Adote um cristão de Mosul", campanha lançada pela Asianews em apoio aos cristãos iraquianos

1 0 818799A trágica situação vivida pelos cristãos no Iraque e os contínuos apelos em seu favor por parte do Papa Francisco, motivaram a Agência Asianews, do Pontifício Instituto das Missões Exteriores (PIME), a lançar a campanha “Adote um cristão de Mosul”. Os recursos recolhidos serão enviados ao Patriarcado de Bagdá que fará a distribuição segundo as necessidades das famílias.

O texto da campanha lançada no site , explica que são necessários um mínimo de 5 euros ao dia para manter uma pessoa no Iraque. “Os leitores e amigos da Asianews são convidados a contribuir”, indo “além da simples indignação e condenação”, expressando desta forma concreta, “a solidariedade e o apoio aos cristãos iraquianos”.

Para o Patriarca dos Caldeus, Dom Louis Rapahel Sako, “ajudar os cristãos nesta emergência, mantendo-os no Iraque, é mais importante do que fazê-los fugir para o exterior. O Iraque e o Oriente Médio necessitam do testemunho dos cristãos”, reitera.

Dom Sako definiu a fuga dos cristãos de Mosul e Qaraqosh, na Planície de Nínive, no Iraque, como uma “catástrofe humanitária, que corre o risco de se tornar um verdadeiro genocídio”. De fato, mais de 100 mil pessoas foram obrigadas pelos jihadistas do Estado Islâmico a abandonar as próprias casas e bens, e fugir rumo ao Curdistão. “Um êxodo, uma verdadeira Via Crucis, com os cristãos sendo obrigados a caminhar no tórrido verão iraquiano... entre eles, doentes, idosos, crianças, mulheres grávidas, com necessidade de comida, água e assistência...”, disse Dom Sako.

As milhares de famílias cristãs foram obrigadas a fugir, ameaçadas de morte pelos jihadistas caso não se convertessem ao Islã ou se recusassem a pagar a ‘jiziya’, a taxa imposta pela Sharia’ aos “infiéis”. Na fuga, foram obrigados a abandonar tudo.

Diante desta tragédia, o Papa Francisco continua a enviar mensagens de solidariedade e apelos à comunidade internacional, para que atue no sentido de deter as violências e os abusos contra as minorias locais.

Para saber as modalidade de colaboração, acesse o link: http://www.asianews.it/notizie-it/Adotta-un-cristiano-di-Mosul,-rispondere-nei-fatti-e-con-la-vita-all'emergenza-irachena-31845.html


Fonte: Rádio Vaticano