Formação

Missa Votiva, o que é? Leia essa breve formação

6222188776 6af6fcb652A Liturgia da Igreja oferece a possibilidade de se celebrar as Missas Votivas, principalmente para favorecer a piedade e a devoção dos fiéis, pois são celebrados os mistérios do Senhor ou em honra da Virgem Maria, dos Anjos, de algum Santo ou de todos os Santos.

São Missas que proporcionam uma catequese mistagógica, tão necessária para os tempos hodiernos. Sua riqueza espiritual é imensa e todos os sacerdotes são chamados a celebrar as Missas votivas para seus fiéis, e aconselha-se que descubram seu valor.

É uma alternativa para cessar as chamadas “Missas temáticas” e também as chamadas “Missas de cura e libertação”, tendo em vista que toda Santa Missa cura e liberta.

"As Missas rituais celebram-se com a cor própria ou branca ou festiva; as Missas para várias necessidades com a cor do dia ou do Tempo, ou então com a cor roxa, se se trata de celebrações de carácter penitencial, como por exemplo, as Missas para o tempo de guerra ou revoluções, em tempo de fome, para a remissão dos pecados (nn. 31, 33, 38); as Missas votivas celebram-se com a cor correspondente à Missa celebrada ou também com a cor própria do dia ou do Tempo." (IGMR 347)

Ou seja, podem ser celebradas nos dias de semana do Tempo Comum, mesmo que ocorra uma memória facultativa.

“Não se pode oficiar Missa Votiva quando ocorrer uma memória obrigatória, nos dias de semana do Advento até o dia 16 de dezembro, do Tempo do Natal desde o dia 2 de janeiro, e do Tempo pascal depois da oitava da Páscoa.

Porém, se houver uma verdadeira necessidade ou utilidade pastoral, poderá ser usada na celebração com o povo a Missa que corresponda a tal necessidade ou utilidade, a juízo do reitor da Igreja ou do próprio sacerdote celebrante” (IGMR 376).

"As Missas votivas dos mistérios do Senhor ou em honra da bem-aventurada Virgem Maria ou dos Anjos ou de algum Santo ou de Todos os Santos, podem celebrar-se, para satisfazer à piedade dos fiéis, nos dias feriais do Tempo Comum, mesmos quando ocorre uma memória facultativa. Mas não podem celebrar-se, como votivas, as Missas que se referem aos mistérios da vida do Senhor ou da bem-aventurada Virgem Maria, exceto a Missa da sua Imaculada Conceição, porque as suas celebrações estão ligadas ao decorrer do ano litúrgico." (IGMR, 375)

As Missas votivas têm seu Próprio (orações e prefácio e, eventualmente, leituras) e sua cor litúrgica.

Segundo o Missal Romano as Missas votivas são;

• Santíssima Trindade com paramentos brancos;
• Divina Misericórdia com paramentos brancos;
• Mistério da santa Cruz com paramentos vermelhos;
• Santíssima Eucaristia com paramentos brancos;
• Santíssimo Nome de Jesus com paramentos brancos;
• Preciosíssimo Sangue de Nosso Senhor Jesus Cristo com paramentos vermelhos;
• Sagrado Coração de Jesus com paramentos brancos;
• Divino Espírito Santo com paramentos vermelhos;
• Nossa Senhora com paramentos brancos;
• Santos Anjos com paramentos brancos;
• São José com paramentos brancos;
• Santos Apóstolos com paramentos vermelhos;
• São Pedro e São Paulo com paramentos vermelhos.
• São Pedro Apóstolo com paramentos vermelhos;
• São Paulo Apóstolo com paramentos vermelhos;
• Um apóstolo com paramentos vermelhos;
• Todos os Santos com paramentos brancos.

Aos sábados recomenda-se celebrar a Missa votiva à Nossa Senhora, pois é uma antiga tradição que o sábado seja dedicado à Virgem Maria.

 

Fonte: Blog Verdade Nossa