Notícias

Papa recebe relatório sobre realidade prisional no Brasil

AP3871178 ArticoloO Papa Francisco recebeu na manhã de sexta-feira (24/02) um relatório sobre a condição das prisões brasileiras e os casos praticados de torturas.

O vice-coordenador da Pastoral Carcerária Nacional, Padre Gianfranco Graziola, concelebrou a missa com o Papa na capela da Casa Santa Marta. Após a celebração, Pe. Gianfranco entregou ao Pontífice a Agenda Nacional pelo Desencarceramento, o Relatório sobre os 102 casos de tortura, dados da realidade carcerária e a mensagem que a Pastoral divulgou sobre as chacinas em Roraima, Amazonas e Rio Grande do Norte.

"Eu disse a ele que o cárcere não redime ninguém. O cárcere é uma máquina de morte. Ele respondeu: eu estou próximo a vocês, eu rezo e envio a minha bênção", contou Pe. Gianfranco aos microfones da Rádio Vaticano.

 

 

FONTE

RÁDIO VATICANO: Atualidade - Geral. Disponível em: <http://br.radiovaticana.va/news/2017/02/24/papa_recebe_relat%C3%B3rio_sobre_realidade_prisional_no_brasil/1294698> 24 de fevereiro de 2017.

Caridade do Papa ajuda produtores de áreas afetadas por terremoto

Esmolaria apostólica comprou produtos alimentícios de agricultores em dificuldade após terremotos na Itália e os distribuiu para obras de caridade

 

Sem títuloA pedido do Papa Francisco, a Esmolaria Apostólica foi às áreas atingidas pelo terremoto na Itália para comprar alimentos típicos da região dos pequenos vendedores, que sofrem economicamente desde a série de abalos.

Foram escolhidos alguns grupos de camponeses, agricultores e produtores cujas empresas correm o risco de fechar por causa dos danos provocados pelo terremoto.

A esmolaria, que é o órgão para a caridade do Papa, comprou uma grande quantidade de produtos com a intenção de ajudar e encorajar essas pessoas a prosseguirem em suas atividades. A iniciativa segue a linha do magistério de Francisco, que por diversas vezes enfatiza: “quando não se ganha o pão, se perde a dignidade”.

Leia mais...

Papa encontra jovens músicos bolivianos em audiência geral

AP3833249 ArticoloCidade do Vaticano (RV) – Ao final da Audiência Geral desta quarta-feira (25), no Vaticano, o Papa Francisco saudou os pequenos músicos da orquestra “Hombres Nuevos”, da cidade boliviana de Santa Cruz de la Sierra. O projeto, com uma história de 25 anos, estimula a recuperação de jovens em condições econômicas desfavoráveis, transformando-os em artistas talentosos e construindo um modelo que permita melhorar a vida da população local.

Os jovens pertencem ao bairro mais pobre da periferia de Santa Cruz, o Plan 3.000. Segundo explicou aos jornalistas o embaixador da Bolívia junto à Santa Sé, Julio Cesar Caballero Montero, “a história deles é comovente: na base desses resultados artísticos existe uma grande demonstração de fé e esperança. A pobreza em que vivem não foi nem uma condição e nem um limite para ajudar a emergir o talento e o desejo deles de aprender e interpretar as partituras de música sacra e as composições de estilo barroco de Domenico Zipoli, um dos jesuítas que chegaram às Missões de Chiquitos na América, no século XVII”.

Leia mais...

Itália: Museus Vaticanos irão restaurar obras de arte danificadas

ANSA1134501 ArticoloSpoleto (RV) - Os Museus Vaticanos irão restaurar gratuitamente algumas obras de arte da Arquidiocese de Spoleto-Norcia danificadas pelos terremotos que abalaram, desde 24 agosto passado, a região central da Itália.
O anúncio foi feito pela Diretora dos Museus Vaticanos, Barbara Jatta, nesta quarta-feira (25/01), durante sua visita a Spoleto, ao depósito do Ministério dos Bens Culturais onde se encontram as obras de arte que foram retiradas de várias igrejas e museus das áreas afetadas pelos terremotos.

A nova diretora foi acolhida pela Superintendente de Arqueologia, Belas Artes e Paisagem da Úmbria, Marica Mercalli, e pelo Arcebispo de Spoleto-Norcia, Dom Renato Boccardo.

Leia mais...

Papa convida fiéis a rezar o Rosário pelo Sínodo da família

papa rosario sinodo-dos-bisposOutubro, além de ser o mês das missões, é também o mês do Santo Rosário. Após a catequese desta quarta-feira, 1º, o Papa Francisco convidou os fiéis a colocarem como intenção no Rosário o Sínodo dos Bispos sobre família, que começa neste domingo, 5.

“No início deste mês, dedicado à meditação da vida de Maria e do seu Filho nos mistérios do Rosário, convido todos vocês a rezarem segundo as intenções da Igreja, sobretudo pelo Sínodo dos Bispos dedicado à família. Rezem também por mim!”.

Esta será a 3ª Assembleia Geral Extraordinária do Sínodo dos Bispos. Eles se reunirão em torno do tema “Os desafios pastorais da família no contexto da evangelização”. Este será o primeiro Sínodo a ser realizado em duas etapas, com a mesma temática: a primeira agora e a segunda, quando de fato haverá conclusões, em 2015, na 14ª Assembleia Geral Ordinária.

 

Fonte: Canção Nova

Papa fala dos carismas na Igreja: dons, não motivos de divisão

catequese-papa-carismas-na-igrejaA catequese do Papa Francisco nesta quarta-feira, 1º, foi sobre os carismas na Igreja. O Santo Padre destacou que o carisma é um dom para a Igreja, não motivo de inveja ou divisão.

Francisco segue o ciclo de catequeses sobre a Igreja, desta vez falando sobre os dons que o Espírito Santo oferece a ela em sua caminhada na história. Na linguagem comum, quando se fala de “carisma”, entende-se um talento, mas na perspectiva cristã, explicou o Papa, assume outra conotação que vai além de uma qualidade pessoal.

O carisma, disse o Pontífice, é uma graça, um dom dispensado por Deus por intermédio da ação do Espírito Santo, para que seja colocado a serviço de todos. De fato, é no seio da comunidade que alguém pode reconhecer os carismas que tem.

Nesse momento, o Papa Francisco brincou com a multidão que participava da catequese, dizendo que uma pessoa não pode achar que tem o dom de cantar, são os outros que têm que reconhecer este carisma. E enfatizou que é importante que nós nos questionemos sobre os carismas existentes em nós. “Há qualquer carisma que o Senhor fez nascer em mim e que os meus irmãos, na comunidade cristã, o reconheceram e o encorajaram? E como me comporto em relação a este dom: com generosidade ou como motivo de orgulho?”

Leia mais...

Igreja tem orgulho dos cristãos perseguidos, assegura Papa

papa-franciscoO Papa Francisco voltou a expressar a proximidade da Igreja aos cristãos indefesos e perseguidos. Na saudação aos povos de língua árabe, especialmente aos do Iraque, após a catequese desta quarta-feira, 3, o Santo Padre assegurou que, sendo mãe, a Igreja sabe acompanhar seus filhos mais necessitados.

Leia mais...

A Igreja é mãe e o seu modelo é a Virgem Maria – afirma o Papa

1 0 823102Audiência geral do Papa Francisco na Praça de S. Pedro. Tema da catequese: a Igreja é mãe.
“A nossa mãe Igreja.”

O Papa Francisco desenvolveu a sua catequese demonstrando a maternidade da Igreja para cada um de nós, uma mãe que nos dá vida em Cristo e que nos faz viver com todos os outros irmãos na comunhão do Espírito Santo. E o modelo da maternidade da Igreja é a Virgem Maria:

“Nesta sua maternidade, a Igreja tem como modelo a Virgem Maria, o modelo mais belo e mais alto que possa existir.”

Assim – continuou o Papa Francisco – a Igreja é nossa mãe, porque nos gerou no Batismo; e desde então faz-nos crescer na fé, indicando-nos, com a força da Palavra de Deus, o caminho da salvação. Neste serviço de evangelização, manifesta-se de modo peculiar a maternidade da Igreja, que aparece como uma mãe preocupada em dar aos seus filhos o alimento espiritual que nutre e faz frutificar a vida cristã.

“ A Igreja é nossa mãe porque nos deu à luz no Batismo. E daquele dia, como mãe premurosa, faz-nos crescer na fé e indica-nos, com a força da Palavra de Deus, o caminho da salvação, defendendo-nos do mal.”

Leia mais...

No TWITTER

No Facebook